Domingo, 19 de Novembro de 2017

CONTACTOS

STEC
NOTÍCIAS DE IMPRENSA
MARCELO QUER CONTINUAR A VER A CAIXA PÚBLICA
2016-04-10
RÁDIO RENASCENÇA

10 Abr, 2016 - 17:59

A CGD é peça essencial no actual momento difícil que atravessa o sistema bancário, diz Chefe de Estado.


O Governo pode contar com o apoio do Presidente da República para manter a Caixa Geral de Depósitos (CGD) como peça fundamental do sistema financeiro e no controlo público, disse Marcelo Rebelo de Sousa. As declarações foram proferidas no dia em que se assinalam os 140 anos da instituição.

O Chefe de Estado salientou ainda que a CGD é peça essencial no actual momento difícil que atravessa o sistema bancário.

"Neste domingo a minha presença aqui, a presença do Presidente da República, quer dizer gratidão por 140 anos de história, esperança em relação a outros 140 - senão mais - de futuro e sobretudo o apoio ao Governo na tarefa de defender a Caixa tal como ela é, uma instituição nuclear e uma instituição de controlo público do sistema financeiro português", disse.

O Presidente da República deixou ainda uma palavra "de reconhecimento" aos portugueses por acreditarem no sistema financeiro português "mesmo nos momentos mais difíceis", lembrando que as instituições financeiras atravessaram "desafios muito difíceis" nas últimas décadas na Europa e em todo o mundo.

Já sobre o mecanismo bancário defendido por António Costa, na entrevista à TSF e DN, diz que esse veículo já foi testado em outros países e é "uma prova na confiança" do sistema financeiro e "uma ajuda adicional para fortalecer um sistema financeiro" como o português.

Marcelo classificou ainda a presença do presidente do Banco Central Europeu no Conselho de Estado como "um sucesso" e "muito enriquecedora", defendendo o hábito "à ideia de que a Europa não é uma realidade longínqua".

TopoIr para lista

marcelo_rr_140_anos

Foto: Manuel de Almeida/Lusa